Abobado

Archive for the ‘Edmar Moreira’ tag

Vagabundo! – ”Estou me lixando para opinião pública”, diz deputado

leave a comment

Sérgio Moraes (centro) em reunião do Conselho de Ética: A gente vota mal mas não merece tanto desaforo!

Autor da máxima de que os deputados padecem do "vício da amizade", o ex-corregedor da Câmara Edmar Moreira (sem partido-MG) recebeu ontem o apoio de um "amigo" estratégico no Conselho de Ética.

O relator do processo de quebra de decoro parlamentar, Sérgio Moraes (PTB-RS), deixou claro ontem que não vê razão para condenar o colega, dono de um castelo de R$ 25 milhões em Minas. Moraes encampou a tese de Moreira de que não cometeu nenhuma irregularidade no uso da verba indenizatória e pôs em dúvida os argumentos da comissão de sindicância da Corregedoria, que apontou indícios de uso do recurso público em benefício próprio.

O relator também mostrou que não está preocupado com a má repercussão de uma absolvição prévia, sem sequer ter começado a investigação do caso. "Estou me lixando para a opinião pública", afirmou Moraes aos jornalistas. "Até porque parte da opinião pública não acredita no que vocês escrevem. Vocês batem, mas a gente se reelege."

Na abertura da reunião, ao pedir a palavra, bravateou: "Podem me atirar no fogo que não tenho medo. Tenho sete mandatos e seis filhos, minha mulher é prefeita. Não é pouca vergonha eu estar aqui. Pouca vergonha são aqueles que nunca concorreram a nada se intitularem patronos da ética e da moral, é um jornal que não recolhe impostos, é bater no trabalho infantil e usar crianças em novelas." O Estado de S. Paulo

Executiva Nacional do DEM decide desligar Edmar Moreira do partido

leave a comment

Rodrigo Maia, presidente do DEM: Tem que passar o pente fino em todo mundo (Foto: Marcelo Casal)

A Executiva Nacional do Democratas (DEM) decidiu há pouco desligar o deputado Edmar Moreira (MG) do partido. De acordo com o presidente da legenda, Rodrigo Maia (RJ), o pedido de desfiliação feito pelo parlamentar mineiro ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) já significava, na prática, a saída do deputado do partido, por isso não houve necessidade de uma expulsão formal.

“O partido deve preservar a sua imagem e a postura do deputado Edmar, o seu histórico de votações e a própria conduta dele após as eleições da Mesa não condizem com o partido", justificou Maia. Segundo ele, o Democratas vai aguardar a decisão do TSE sobre a consulta feita por Moreira em relação à sua desfiliação por justa causa para definir se reivindica a vaga do deputado.

Leia mais aqui.

Written by Abobado

fevereiro 12th, 2009 at 1:25 pm

ACM Neto é escolhido por aclamação para a 2ª vice da Câmara

leave a comment

ACM Neto: Esse é galo de briga. Deus queira que continue lutando e criticando as sacanagens no governo e na Câmara

Por aclamação, a bancada do DEM na Câmara escolheu o deputado Antonio Carlos Magalhães Neto (DEM-BA) para a segunda vice-presidência da Casa, em substituição ao deputado Edmar Moreira (DEM-MG). O vice-presidente exerce também a função de corregedor da Câmara. A cúpula do DEM articulava um nome que tivesse aceitação e respeito na Casa.

O nome do deputado Vic Pires Franco (DEM-PA), que perdeu a disputa no plenário, na semana passada, para Edmar Moreira, foi considerado arriscado. Assim como outros nomes na Câmara, o temor é que no voto secreto, deputados que elegeram Edmar Moreira resolvessem fazer um ato de desagravo ao parlamentar e não aprovassem o nome indicado pelo DEM.

A escolha de ACM Neto pelo DEM deve por fim à proposta de separar a corregedoria da segunda vice-presidência. O DEM não aceita essa divisão. Estadão Online

Written by Abobado

fevereiro 10th, 2009 at 2:13 pm

Deputado dono de castelo culpa DEM por sua renúncia do cargo

leave a comment

Rapaz sério: Baita salafra. Raposa tomando conta de galinheiro. Rêlho nele! (Foto: Roosevelt Pinheiro)

Em sua carta de renúncia ao cargo de 2º vice-presidente da Câmara, o deputado Edmar Moreira (DEM-MG) afirma que seu afastamento se dá em razão da "ausência de respaldo" do próprio partido para o exercício do cargo. No documento que foi encaminhado no último domingo ao presidente da Casa, Michel Temer (PMDB-SP), e divulgado nesta segunda-feira, 9 à imprensa, Moreira se diz vítima de "inverídicas imputações" e que seu desligamento do cargo na Mesa Diretora é irretratável.

"A verdade foi esquecida. Questões como o fato de que a propriedade objeto de tanta celeuma foi construída de 1982 até 1990, antes do meu primeiro mandato eletivo, tornou-se irrelevante. O fato de a referida propriedade estar registrada e declarada no imposto de renda dos meus filhos desde 1993 também não foi averiguado", argumenta Moreira na carta de renúncia. Estadão Online

Leia mais aqui.

Written by Abobado

fevereiro 9th, 2009 at 11:42 am