Abobado

Archive for novembro 7th, 2008

Cesar Valente: Diarinho ganha mais uma!

leave a comment

O prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni, inconformado com a derrota na sua candidatura à reeleição, está exercendo seu jus sperniandi. Foi aos tribunais pedir que o Diarinho e o candidato eleito fossem condenados por abuso do poder econômico e mau uso dos meios de comunicação.

Na primeira instância o juiz excluiu o Diarinho da história, porque não cabe, nesse caso, acionar uma pessoa jurídica. Eles recorreram, com um “agravo de instrumento”. Que nem chegou a ser analisado, porque alguém se atrapalhou e acabou perdendo o prazo legal para o recurso.

Tá lá, na decisão do juiz relator Márcio Luiz Fogaça Vicari:

Desta forma, o agravo de instrumento é flagrantemente intempestivo, uma vez que, intimados da decisão do Juízo a quo, por seu procurador devidamente constituído, no dia 31 de outubro, às 18h (fl. 109 verso), os agravantes somente interpuseram o presente recurso às 16h58min do dia 4 de novembro de 2008 (fl. 2), quando já ultrapassado o tríduo legal estabelecido no art. 258 do Código Eleitoral.
Conseqüentemente, o agravo não deve ser conhecido.

Em todo caso, fica cada vez mais claro, pelo que dizem os advogados do Volnei nas petições, que eles realmente acreditam que o Diarinho foi o responsável pela derrota do PT em Itajaí. Olha só este trecho do relatório do Juiz, onde ele resume o que os advogados disseram:

Consignam, ademais, que a participação da empresa jornalística em questão é primordial à apuração dos fatos, já que, coibidos os demais investigados de divulgarem as matérias relacionadas à “Operação Influenza” , o referido órgão de imprensa foi o principal responsável por influir no pleito, ao veicular as reportagens com o suposto objetivo de atingir “a honra do homem público perante os eleitores” , servindo “unicamente para a exposição pública degradante.

Vejam bem: o que teria influenciado os eleitores não foram as coisas que o Volnei e seus colaboradores fizeram ao longo dos quatro anos, nem o que a investigação da Polícia Federal descobriu, muito menos a forma como ele falava ao telefone (coisa revelada em uma gravação provavelmente autêntica, porque nunca desmentida, publicada no You Tube). Isso não é considerado degradante. Nem acham que tem poder para influenciar o eleitor. Mas, se um jornal divulgar essas histórias, aí a culpa é do jornal, que fez o que fez “unicamente” para macular a honra do homem público.

[googlevideo=http://video.google.com/videoplay?docid=-594971809276920672&hl=en]

Esta forma de encarar as coisas é muito comum, entre os políticos. Para muitos, o problema não é ter pisado na bola, estar enrolado com os tribunais e com as leis. Enquanto não sair no jornal, considera-se que a honra está intacta. A consciência pode ter extensas áreas necrosadas ou putrefatas, mas eles se acreditam probos e honrados. O grande problema é publicar a notícia, divulgar o malfeito, levantar o tapete.

Jornais independentes e sem medo de cara feia são mesmo muito chatos e inconvenientes. De Olho na Capital

Observação: A foto e o áudio foram inseridos no post por este blog.

Written by Abobado

novembro 7th, 2008 at 8:29 pm

Florianópolis – Supermercado é reaberto depois de acidente

leave a comment

O supermercado Imperatriz da avenida Mauro Ramos, no Centro de Florianópolis, foi reaberto às 17h desta sexta-feira. A marquise do supermercado caiu sobre doze carros e, segundo informações da assessoria do estabelecimento, deixou quatro pessoas levemente feridas no início desta tarde. Os veículos eram de clientes e funcionários.

O Corpo de Bombeiros, a Defesa Civil municipal, a Secretaria de Urbanismo e Serviços Públicos (Susp) e engenheiros da própria empresa vistoriaram o local e não há risco de novos desabamentos.
Ainda não se sabe o que causou a queda da marquise. A estrutura deve ser retirada até o final do dia. ClicRBS

Written by Abobado

novembro 7th, 2008 at 5:37 pm

TV de alta definição. Cuidado na compra!

leave a comment

Dia 05 a RBS fez um festerê de atrapalhar o trânsito no largo Glênio Peres, defronte à Prefeitura Municipal de Porto Alegre, para inaugurar, de brincadeirinha, as transmissões em alta definição ou alta resolução, como queiram, da RBS-TV.

Foi uma inauguração antecipada. As transmissões logo voltaram a ser analógicas. Alta definição só em2009. Para dar tempo aos telespectadores de adquirirem os conversores – segundo Lasier Martins, no Jornal do Almoço.

Valendo-me de um gancho do Cesar Valente, de alguns dias, entro de novo no assunto, que já tratei aqui há algum tempo.

O problema é que os conversores não permitirão que você veja tevê em alta resolução. Mesmo em aparelho com entrada digital. Sinal digital e sinal de alta resolução são coisas diversas. O conversor vai converter o sinal da RBS em analógico, para que você possa sintonizá-la. Apenas aparelhos modernos, com entrada HDMI, admitem transmissão de alta definição.

Se você quiser se aprofundar no assunto, entre, por favor, no Adendos onde, em 10/12/2007, postei artigo de Alamar Régis Carvalho, Analista de Sistemas e Escritor, em que esmiúça o assunto com clareza e objetividade. O artigo foi postado em três partes por limitação de caracteres do servidor. Talvez esteja um pouco desatualizado, mas no geral é válido. E a época (proximidade do Natal), adequada.

Se você tem pressa, acesse logo a parte III, bastante esclarecedora. Há ilustrações para você identificar os conectores que deverão ser utilizados, se adquirir o conversor. Mas não adquira este sem ler o artigo.

Ou melhor. Se você quiser receber a transmissão nova da RBS e, aos poucos, de outras emissoras, vai ter que comprá-lo. Quando pararem as transmissões analógicas, quem não tiver o conversor vai ficar a ver navios, desde que eles passem pelas telas apagadas de sua tevê. Aí o grande golpe. Alguém vai lucrar com isto, tanto com a venda de conversores como com a de novos aparelhos de tevê com entrada HDMI.

Mas, definitivamente, não vá à loja comprar uma televisão sem se informar se ela tem entrada específica para sinal de alta resolução. Apenas digital, repito, não adianta! Você continuará a ver sem alta resolução.

A diferença é sensível, mas a evolução dos aparelhos atuais, nos últimos anos, foi além das expectativas. Lembram das transmissões em branco e preto? Lembro porque sou da época e só comprei a minha em cores em 1977.

A imagem melhorou muito, desde então. Mas o lucro é a locomotiva do mundo e resolveram mudar o padrão de sinal para que as grandes empresas tirem suas casquinhas. Ou casconas.

Porque, para ver as idiotices do Pânico, os ladridos dos repórteres da Record, as telenovelas da Globo, as pregações da Band, e outras inutilidades, o sinal analógico está especial de bom, como dizem por aqui. Nem precisava tanto. Em branco e preto já seria suficiente.

Talvez valha para ver filmes. Mas eu, por exemplo, detesto as dublagens. E se você é assinante da Sky lembre: o sinal que ela transmite, por enquanto, é digital, mas não de alta resolução.

Para os que babam vendo o estradista Lula fazendo seus comícios diários talvez perceba alguns – nem todos – os perdigotos que ele solta em abundância. Para isto, talvez, a televisão de alta definição sirva. Não para mais.

Mudará a forma, mas o conteúdo permanecerá o mesmo, vazio e fútil.

Como eu disse aqui, outro dia, já que torpedeamos a Ética preservemos, pelo menos, a Estética, no que é possível preservar. Este é, para mim, o objetivo final, algo assim como dourar a pílula.

As futilidades ficarão mais lindas em alta definição…

Jus Sperniandi – Ilton C. Dellandréa

Written by Abobado

novembro 7th, 2008 at 12:43 pm

Protógenes diz que buscas e julgamento de recurso de Dantas foram uma “ação casada”

leave a comment

O delegado da Polícia Federal Protógenes Queiroz, que comandou a Operação Satiagraha, disse nesta sexta-feira que foi uma "ação casada" o cumprimento de mandados judiciais de busca e apreensão nos locais onde ele mantém residência. Segundo o delegado, a ordem ocorreu no momento em que o STF (Supremo Tribunal Federal) julgaria o habeas corpus do banqueiro Daniel Dantas.

De acordo com Protógenes, a presença de Daniel Dantas tende a "tumultuar" investigações. "Ele [Dantas] é uma pessoa que tem muitos segredos", afirmou o delegado, que está em Brasília e faz palestra para estudantes de uma das principais universidades particulares da capital federal.

A PF cumpriu mandados de busca e apreensão no apartamento do delegado, alugado em Brasília, no quarto de hotel que costuma ocupar em São Paulo e no apartamento de seu filho, no Rio, segundo reportagem publicada ontem na Folha.

De acordo com a reportagem, as buscas também tiveram como alvo residências de outros policiais federais que atuaram na Operação Satiagraha.

Em julho, a Operação Satiagraha levou à prisão o banqueiro Daniel Dantas e outros executivos do banco Opportunity, além do investidor Naji Nahas e do ex-prefeito de São Paulo Celso Pitta (PTB).

Críticas

Protógenes afirmou ainda ter informado a seus superiores sobre a importância das investigações da Satiagraha. Para ele, o que há são interesses políticos que visam a proteção do governo. "O momento político é de proteger o governo", afirmou o delegado, antes da palestra para os universitários.

O delegado disse também que, ao avisar sobre os desdobramentos das investigações, informou que elas poderiam provocar "rachas" no país. "Quando eu preparava a Satiagraha falei que era uma operação que ia rachar o país. E, rachou", afirmou ele.

Protógenes foi afastado do comando da Satiagraha ainda durante as investigações. Na ocasião, a direção da PF informou que ele deixou a operação por vontade própria. Mas o delegado desmentiu e desde então costumar dar declarações contundentes sobre o assunto.

A participação de Protógenes na Satiagraha levou o presidente Luiz Inácio Lula da Silva a se envolver diretamente no tema. Ele convocou reuniões no Palácio do Planalto com o ministro Tarso Genro (Justiça) e policiais federais. Para o presidente, o delegado deveria apresentar sua versão os fatos publicamente, cobrando satisfação dele. Folha Online

Written by Abobado

novembro 7th, 2008 at 11:38 am

Mendes reitera que terrorismo “também” é imprescritível e STF pode flexibilizar interpretação sobre anistia

leave a comment

Jorge Serrão

O circo está armado para que o Supremo Tribunal Federal flexibilize a interpretação sobre os efeitos da Lei de Anistia de 1979 – conforme desejam os revanchistas. Militares enxergam que a senha para isso foi dada com a declaração reiterada do presidente do STF, Gilmar Mendes, advertindo que terrorismo “também” é imprescritível (da mesma forma que o crime de tortura). O “também” é a chave para uma flexibilização no julgamento do STF sobre a anistia.

Ontem, a exemplo do que havia dito na última segunda-feira, no Instituto dos Advogados de São Paulo, Gilmar Mendes reiterou que “terrorismo também é imprescritível”. Gilmar Mandes fez referência às declarações da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, segundo as quais o crime de tortura não prescreve. Uma vez mais, Mendes repudiou o que chamou de "unilateralidade", "ideologização" e "politização" no debate sobre direitos humanos.

Mendes destacou que o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) está realizando um amplo levantamento sobre a situação nos presídios. "A tortura é repugnante se praticada contra ativista político ou o preso comum". Gilmar Mendes criticou com veemência a "instrumentalização dos direitos humanos para fins partidários e ideológicos".

A polêmica sobre tortura e terrorismo se acirrou depois que a Advocacia Geral da União (AGU) se manifestou a favor do coronel reformado do Exército Carlos Alberto Brilhante Ustra, ex-comandante do Destacamento de Operações de Informações – Centro de Operações de Defesa Interna (DOI-Codi), unidade militar apontada como reduto de arbítrios na Era pós-64. Alerta Total

Written by Abobado

novembro 7th, 2008 at 10:58 am

Amadeus – Uma história incrível

leave a comment

Pocurei em muitas locadores de Florianópolis uma versão em DVD para o filme Amadeus e não encontrei. Só haviam cópias em VHS que, pasmem, estão sendo vendidas a R$ 1 real.

Não tenho mais aparelho de videocassete. Frustrado, deixei de procurar. Cópias em DVD na internet tem aos montes, mas de péssima qualidade.

Na terça-feira passada fui tomar um café no centro de Laguna (no Kings Bar, do grego Estácio). Eis que de repente chega o rapaz que distribui revistas e jornais. Entrega na mão do Tom (grande amigo e que atende no balcão) quatro Coleções da Abril: Instinto Selvagem, A Cor Púrpura, A Primeira Noite de um Homem e… Amadeus!

Pulei em cima do livreto que acompanha o DVD. Era a única cópia que havia chegado e não poderia perder aquela oportunidade que para mim seria a única.

Não estou fazendo propaganda pra ninguém. Somente me interessei em publicar esse post porque acredito que muitas pessoas possam estar procurando por filmes mais antigos de boa qualidade e não encontram com facilidade.

Amadeus (história de Wolfgang Amadeus Mozart narrada dentro de um manicômio por Salieri, compositor oficial da corte do imperador José II, da Áustria), para mim, foi um dos melhores filmes que já tive a oportunidade de assistir, por isso recomendo com louvor.

Pra quem não lembra mais do filme ou até para aqueles que nunca o assistiram, segue abaixo uma pitadinha desse espetacular sucesso do cinema ganhador de oito prêmios Oscar.

Um abraço a todos.

[googlevideo=http://video.google.com/videoplay?docid=-2272903974533862607]

Written by Abobado

novembro 7th, 2008 at 1:08 am